sexta-feira, 8 de setembro de 2017

Torta brigadeiro e uvas


Torta de brigadeiro branco, recheio de uvas e cobertura de ganache de chocolate.

1 caixinha de leite condensado
2 caixinhas de creme de leite
1 colher de sopa de manteiga
uvas sem semente
300g de chocolate meio amargo picado (reserve um pouco para fazer as rapas)


Primeira camada:

  1. Coloque em uma panela o leite condensado, uma caixinha de creme de leite e a manteiga, deixe ferver até engrossar (até o ponto de brigadeiro)
  2. Coloque em uma travessa, leve à geladeira para esfriar. Em seguida coloque as uvas.

Cobertura:

  1. leve todo o chocolate picado ao microondas, uma etapa de 30 segundos, retirando para mexer e conclua com os outros 30 segundos.
  2. Incorpore o creme de leite aos poucos e vá mexendo.
  3. Despeje sobre as uvas.
  4. Finalize com raspas de chocolate.

Lasagna a bologna - com tomate seco


Tradicional lasanha à bolonhesa, com tomates seco, champignon, mussarela.

Ingredientes:
Massa para lasanha (grano duro ou fresca)
500g de carne bovina moída (carne magra)
Queijo mussarela em fatias
Tomates secos
Cogumelos champignon
Ervas e temperos à gosto (alecrim e orégano, páprica doce, pimenta-do-reino)
Parmesão ralado


Para o molho:

  1. Doure a carne no óleo, cebola picada e os temperos. Deixe dourar.
  2. Coloque o molho de tomate
  3. Coloque uma pitada de açúcar
  4. Acerte os temperos
Faça camadas da massa, o recheio, as fatias de queijo;

Finalize com tomates secos, champignon, queijo parmesão ralado e orégano.

quarta-feira, 6 de setembro de 2017

Bolo de cenoura - o tradicional


Bolo de cenoura simples, delicioso, tradicionalmente brasileiro.

Massa:
1 cenoura grande ralada
1 xíc. de leite
3/4 xíc. de óleo
3 ovos
3/4 xíc. de açúcar demerara
2 xíc. de farinha de trigo
1 colher de sobremesa de fermento em pó.

Cobertura:
2 colheres de sopa de cacau em pó (sem açúcar)
50ml de leite condensado
50ml de creme de leite
100g de coco seco ralado (sem açúcar)

Siga o processo:


  1. Bata a cenoura com os ovos e o açúcar no liquidificador, junte os líquidos e bata mais um pouco.
  2. Transfira para uma tigela e acrescente a farinha, misture delicadamente
  3. Adicione o fermento
  4. Unte uma forma redonda com furo, asse à +- 250ºC por cerca de 40 minutos, ou até espetar um palito e este sair seco.
Prepare a cobertura:
  1. Adicione tudo em uma panela, deixe ferver, como se fosse um brigadeiro, porém mole.
  2. Coloque no bolo e derrame coco ralado, bastante.

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Torta de fubá com legumes e talos



Massa:
2 ovos
1 xíc. de leite
1 colher de chá de fermento químico
3/4 de xíc. de óleo
1 xíc. de fubá
1 xíc. de farinha de trigo
1/2 cubo de caldo de vegetais

Recheio:
1 cenoura ralada
1 abobrinha ralada com casca
Ervilhas
1 tomate picado sem semente
Brócolis
Talos do brócolis
Azeitonas
Meia cebola picada
Orégano
Pimenta-do-reino
Sal

Preparo:


  1. Bata todos os ingredientes da massa no liquidificador. 
  2. Veja a consistência, nem dura demais, e nem mole demais.
  3. Rale a abobrinha e a cenoura, pique os talos dos brócolis, em rodelas bem finas, junte com o restante dos itens e tempere.
  4. Em uma forma redonda, ou retangular, coloque uma camada da massa, coloque por cima todo o recheio e cubra com o restante da massa, sendo a última camada mais fina.
  5. Finalize com queijo ralado e orégano.

sábado, 15 de julho de 2017

Bolo red velvet


Um clássico da confeitaria, "red velvet" numa ligeira tradução seria "veludo vermelho" ou "tapete vermelho". Na receita original vai beterraba. Aqui eu usei o corante alimentício, mas fica a seu critério. Há outras versões de outras cores... Mas o vermelho é, sem dúvida, o mais encantador.

Massa:
6 ovos
2 xíc. de leite
1 1/2 xíc. de óleo
1 1/2 xíc. de açúcar
4 xíc. de farinha de trigo
2 colheres de sobremesa de fermento químico.
1 1/2 xíc. de amido de milho
Corante na cor vermelho natal

Recheio
400g de cream cheese.
1 1/2 xíc. de açúcar de confeiteiro peneirado.
1/2 xíc. de manteiga em temperatura ambiente.

Cobertura:
Chantilly tradicional

*Há várias versões de cobertura: a tradicional é com cream cheese, mas você pode colocar apenas o chantilly, ou decorar com raspas de chocolate branco, ou também com o miolo do bolo esfarelado, ou frutas vermelhas e roxas...

Esta receita é para uma forma com cerca de 25cm de diâmetro, com duas camadas. Você pode optar em fazer apenas um bolo, e cortá-lo ao meio, basta dividir os ingredientes da massa pela metade.


segunda-feira, 10 de julho de 2017

Spaghetti ao molho gorgonzola e brócolis


Cozinhe a massa integral e deixe al dente. Cerca de 9 minutos, dependendo da massa.

Meia cebola grande picada
Sal
Pimenta do reino
Brócolis frescos
Uma fatia grande de gorgonzola
Uma pitada de orégano ou manjerona
Uma caixinha de creme de leite sem soro
40ml de leite

Doure a cebola com o sal, no azeite. Adicione os brócolis, cortados em tamanhos pequenos, em seguida adicione o creme de leite, a pimenta do reino, o leite e por último o queijo. Acerte o sal.
Cuidado, pois o gorgonzola já e salgado.

Prática e saborosa, delicie-se.

quinta-feira, 1 de junho de 2017

Penne ao molho de atum e pimentão

Penne

Molho:
1 dente de alho picado
Meia cebola picada bem fininha
Creme de leite
Atum ralado
Orégano
Pimentão vermelho picado em cubinhos
Pimenta calabresa
Manjericão para decorar.
Sal

Doure o alho e a cebola no azeite, despeje o creme de leite, o atum, a pimenta e o orégano, em seguida o pimentão e o sal. No final, jogue duas colheres de água, deixe ferver mais e sirva. Coloque por cima manjericão fresco


sexta-feira, 7 de abril de 2017

Bolo toalha felpuda


Delicioso, leve, um clássico da confeitaria!

Massa:
3 ovos
1 xíc. de leite
1 xíc. de açúcar
3/4 de xícara de óleo
2xíc. de farinha de trigo
3/4 de xícara de amido de milho
Uma colher de sobremesa de fermento em pó.

Bata tudo na batedeira, em seguida misture a farinha e o amido de milho na mão, o suficiente para se dissolver tudo. Adicione o fermento e asse em uma fôrma redonda sem furo, ou retangular se preferir.


Recheio e cobertura:

Uma caixinha de leite condensado
200ml de leite de coco
2 pacotes de coco ralado, sem açucar (reserve um pacote para a finalização do bolo)
1/2 xíc. de leite
Aromatize com alguma especiaria, se preferir. Eu usei anis-estrelado.

Leve tudo em uma panela de fundo grosso, mexa até engrossar. Cuidado para não deixar muito grosso, pois quando esfriar, sempre endurece mais.
Corte o bolo ao meio, molhe a massa do bolo com um pouco de leite de coco. Coloque o recheio e a cobertura, finalize com coco ralado





domingo, 12 de março de 2017

Chá gelado de ameixa, cidreira e limão


Chá refrescante de ameixa fresca, cidreira, limão e água com gás. Esta bebida lembra muito a famosa soda italiana, a diferença é que aqui eu usei a fruta fresca, ao contrário da soda italiana, que usa a essência.

Suco de duas ameixas
Folhas de cidreira (fresca ou seca)
Um limão
Três cravos-da-índia
Uma colher de açúcar (para adoçar o chá)
água com gás e gelo

Faça o suco de ameixa, concentrado e com pouca água, coe e coloque algumas gotas de limão para o suco não ficar preto. Reserve.

Prepare o chá de cidreira com os cravos e cascas de limão, deixe gelar.

No copo, coloque o gelo, uma rodela de limão, o chá de cidreira e por último o suco de ameixa e um pouco de água com gás.

sábado, 11 de março de 2017

Macarrão Tai





Receita oriental, com macarrão de arroz, molho de camarão e legumes, com cogumelos Shimeji

Escolha o macarrão de arroz e faça-o conforme a embalagem.

Molho:
1 abobrinha ralada
1 cenoura grande ralada
Camarões
Gengibre ralado
3 dentes de alho
Molho shoyo
Pimenta (dedo de moça ou calabresa)

Tempere os camarões com sal e pimenta e refogue-os até dourarem. Em seguida coloque os legumes ralados e deixe refogar, acrescente o gengibre ralado, o alho picado bem fininho, a pimenta e o molho shoyo.

Em outra panela, refogue os cogumelos. Primeiro, lave-os bem, em seguida corte e leve ao fogo com azeite ou manteiga. Eles cozinham rápido! Sirva por cima do molho, como se fosse decorar o prato.


terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

Bolinho fit de banana com cranberry


Esta receita é simples, não vai farinha de trigo, nem leite, nem açúcar branco.

2 bananas maduras
Uma xícara de aveia
1/4 de xíc. de óleo.
2 ovos
Uma colher de chá de fermento
Uma colher de café de canela em pó
Uma colher de sopa de açúcar mascavo. (opcional)
Frutas secas de sua preferência (uvas passas, cranberry, ameixas secas, mirtilos...)

Bata tudo no liquidificador, exceto as futas secas.
Despeje em forminhas de papel, coloque as frutas por cima.
Asse por 15min em temperatura alta.

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Cupcake de amora


2 ovos
3/4 de xíc. de leite
1/2 xíc. de açúcar demerara ou orgânico
1/2 xíc de óleo
1 1/2 xíc. de farinha de trigo
1 colher de sobremesa de canela em pó
1/2 xícara de amido de milho
essência de baunilha
uma colher de chá de fermento em pó

Bata os ovos com o açúcar, o leite e o óleo. Depois adicione a farinha e o amido e misture à mão.
Adicione o fermento e misture mais um pouco.

Recheio:
Para a geleia de amora: duas xícaras de amoras frescas, meia xícara de água, uma xícara de açúcar. bata rapidamente as amoras com a água no liquidificador, depois coloque numa panela e deixe ferver até engrossar. Deixei a geleia mais rústica, com sementes e sem passar na peneira, mas se quiser uma geleia bem fina, é só passar na peneira antes de ir ao fogo.

Cobertura:
Faça o glacê real, ( claras, açúcar de confeiteiro e suco de um limão, bata por 15 minutos em velocidade alta.) Use o corante na cor vinho bordô ou roxo. Decore com a sua preferência, com amoras em cima e confeitos.

segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Salada mediterrânea



Esta é uma adaptação da salada mediterrânea, tem um elemento talvez muito comum no Brasil e não no mediterrâneo que é a soja.

Um copo americano de soja cozida
Uma berinjela grelhada no azeite
Alcaparras
Tomates-cereja
Macarrão "conchinha".
Chia
Azeitona
Temperos: orégano, pimenta do reino, azeite extra-virgem, sal rosa.

Primeiro grelhe a berinjela, mas antes, deixe-a de molho em uma escorredora com bastante sal, para eliminar o liquido amargo. Depois adicione o macarrão cozido e finalize com um pouco de caldo de vegetais e deixe secar.
Misture tudo num refratário e sirva!

Pode-se usar outras massas, como: fusili, parafuso, conchiglia. Além de outros ingredientes também, como folhas de manjericão, repolho refogado, sementes de gergelim, feijão verde...

domingo, 8 de janeiro de 2017

Bolinho de chuva


Receita para o café de domingo.

Massa:

Uma xícara de farinha de trigo
1 ovo
3/4 de xíc. de leite
2 colheres de açúcar
Uma colher de chá de fermento em pó

Misture tudo, a massa deverá ficar mais firme, não pode ficar mole demais.

Frite em óleo quente, diminua o fogo depois, para que a massa do bolinho fique cozida por dentro.

Passe em uma mistura de açúcar refinado e canela em pó. Eu usei o açúcar de confeiteiro, pois acho que fica menos doce.

Para acompanhar: nada melhor que uma boa e velha xícara de café!

domingo, 1 de janeiro de 2017

Cupcake de banana nanica, canela e baunilha


Massa:
2 ovos
3/4 de xíc. de leite
1/2 xíc. de açúcar demerara ou orgânico
1/2 xíc de óleo
1 1/2 xíc. de farinha de trigo
1 colher de sobremesa de canela em pó
essência de baunilha
uma colher de chá de fermento em pó

Bata os ovos com o açúcar, o leite e o óleo. Depois adicione a farinha, a canela e e misture na mão.
Adicione o fermento.

Despeje em forminhas de cupcakes, Não deixe ultrapassar a metade das forminhas.
Asse e em cerca de 20 min. Estão prontos, dependendo do seu forno.

Recheio:
Uma banana da terra madura
1/2 xíc de açúcar
1/3 de xíc de água;
Leve ao fogo numa panela de fundo grosso até apurar. Deixe aromatizar com cravo-da-índia ou anis-estrelado.

Faça um furo no cupcake depois de assado e despeje o recheio.

Cobertura:
3 claras de ovos
Açúcar de confeiteiro, cerca de 4 colheres de sopa
Suco de meio limão

Bata na batedeira até chegar ao ponto de glacê real, em velocidade máxima
Coloque num saco de confeiteiro com o bico pitanga

sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Bucatini campestre


Essa é uma massa rústica, aliada a um molho de legumes e temperos de sua região. Combina com um vinho branco, uma cerveja, ou um suco de frutas silvestres.

Preparo:
Cozinhe a massa bucatini por 9min. (massa comprida com furo central)

Molho:
Uma abobrinha cortada em lascas finas.
Um pimentão verde cortado em lâminas
Tomates cortado em lascas sem sementes.
Meia cebola Cebola picada
Uma pitada de açafrão-da-terra
Uma colher de chá de páprica doce
Orégano
Pimenta calabresa
Cebolinha verde 
1/2 xícara de caldo de legumes
2/3 xíc. de creme de leite

Refogue todos os vegetais no azeite, mas sem deixar dourar. Quando estiverem "macios", adicione meia xícara de chá de caldo de vegetais, deixe ferver e adicione uma pitada de pimenta calabresa, orégano, cebolinha, uma pitada de açafrão-da-terra e uma colher de chá de páprica doce.
Por último, adicione meia xícara de creme de leite, incorpore com os demais ingredientes e está pronto!

Bolo de fubá


Massa:
3 ovos
1 xíc. de leite
1 xíc. de açúcar
3\4 xíc. de óleo
3/4 xíc. de farinha de trigo
1 1/2 xíc. de fubá de milho
1/2 xíc. de amido de milho
1 colher de chá de fermento químico
Cravos-da-índia (a receita tradicional é com erva-doce)

Bata os ovos com o açúcar até obter um creme homogêneo, adicione o restante dos líquidos. Adicione os secos e por último o fermento.
Misture com uma colher.
Se você vir que a massa está com uma cor pálida, adicione uma pitada de açafrão-da-terra, só para ressaltar a cor. Particularmente, não gosto de bolo de fubá pálido.
Coloque em forma redonda, untada.
Depois de assado, desenforme o bolo. Espere esfriar e polvilhe açúcar de confeiteiro.

Tagliatele ao molho de páprica-doce, queijos e pimenta calabresa


Cozinhe a massa e deixe al dente, cerca de 9 minutos.

Molho:

Meia cebola picada bem fininho
1 dente de alho amassado
Azeite
Páprica doce
Creme de leite
Sal
Pimenta calabresa
Queijos, eu usei queijo Edam e o provolone, mas pode-se usar o de sua preferência, mussarela, gouda, estepe...Quanto mais frutado for o queijo, melhor.

Doure a cebola com o alho amassado no azeite e o sal. Adicione o creme de leite. Adicione cerca de 20ml de leite, apenas para não ficar grosso demais. Coloque uma colher de chá de páprica doce (não use a picante). E em seguida os queijos picados.
Decore com uma fatia do queijo usado, alecrim e pimenta calabresa.

Torta de mirtilos, cerejas e ganache


Massa:

1 1\2 xícara de farinha trigo
1 ovo
2 colheres de cacau em pó
1 colher de sopa de água fria

Amasse a farinha e a água até virar uma farofa. Depois coloquei o ovo e o cacau, amasse bem até ficar lisa o suficiente para ser aberta no rolo. Se necessário adicione mais farinha, o ponto é igual uma massa de pão.

Recheio: 

Faca o creme de confeiteiro:
600ml de leite
leite condensado, 
1 colher de sopa cheia de amido de milho.
Leve ao fogo até engrossar. Deixe esfriar em joga na massa, depois de assada.

Faça a ganache: uma barra de chocolate ao leite meio amargo, misturando com uma caixinha de creme de leite.

Cubra a massa com o creme, depois a ganache de chocolate, e por último, as cerejas e os mirtilos.

Torta de limão tradicional


Massa:
1 1/2 xícara de chá de farinha de trigo
meia xícara de manteiga
uma colher de sopa de água
1 ovo
-Amasse a farinha com a manteiga e a água com um garfo até virar uma farofa. Depois acrescente o ovo e amasse com as mãos. A massa deve ficar lisinha, não pode ficar quebradiça, se isso acontecer, conserte com mais manteiga até acertar o ponto.
Asse por 20 minutos.

Recheio:
Uma lata de leite condensado e uma de creme de leite
Suco de dois limões grandes
Raspas de limão
-Faça a mousse até endurecer. Despeje na massa assada, já resfriada.

Cubra com glacê branco e raspas de limão por cima.

Receita de entrada, berinjela à parmiggiana


2 berinjelas
Sal
4  tomates cortados  em rodelas (4 rodelas por  pessoa)
100g de molho de tomate
Folhas de manjericão
200g de mozzarella em fatias
50g de parmesão ralado
pimenta do reino

Corte as berinjelas em rodelas, salpique-as com sal e deixe escorrer por 30 min., para eliminar o líquido amargo. Lave e seque-as. Doure-as em uma frigideira até que estejam bem tostadas por fora.

Faça camadas alternando as berinjelas, fatias de tomate, uma colherada de molho de tomate, fatias de mozzarella e parmesão ralado e folhas de manjericão.
Leve ao forno a 160°C, por 10 minutos. Decore com manjericão. Sirva em seguida.

Este prato é característico do sul da Itália, ainda que a base seja a mesma, há regiões que é preparado com outros tipos de queijos.

O vinho: uma boa opção é um tinto de uvas Malbec sul-americano ou um francês da Côtes Du Rhone.

Foto: Erick Leão 

Canjica de laranja


Meio pacote de canjica branca
200ml de leite condensado
um vidro de leite de coco
Raspas de uma laranja
Suco de meia laranja
Anis-estrelado ou cravos

Cozinhe a canjica por 30min. na pressão. Escorra a água, adicione os ingredientes tudo junto e deixe ferver até engrossar. Não raspe a parte branca da laranja para não amargar.

Flãn de coco com calda de ameixa


Uma caixinha de leite condensado
200ml de leite de coco
Uma caixinha de creme de leite
um envelope de gelatina em pó sem sabor e incolor, dissolvida.
Cerca de duas colheres de coco ralado (sem açúcar), para dar uma textura.

Bata tudo no liquidificador

Calda:
3 ameixas frescas (reserve metade de uma para decorar)
meia xícara de água
2 colheres de açúcar
uma colher de chá de amido de milho dissolvido em um pouco de água.
Faça a polpa da ameixa, batendo no liquidificador e coando.

Leve tudo à panela e deixe ferver, por ultimo coloque o amido, só não deixe ficar muito grossa.


Se vir que está sem cor, coloque umas gotinhas de corante na cor vermelho.

Esse flãn é base para diversas caldas, entre elas: carambola, morango, uva, frutas vermelhas, manga, goiaba...

domingo, 18 de dezembro de 2016

Spaghetti alla norma

Tradicional molho de berinjelas, tomates e páprica doce.




1 berinjela
20 ml de azeite
2 dentes de alho picados
uma colher de sopa de páprica doce
2 tomates cortados em lascas
320g de spaghetti
100ml de caldo de vegetais
60g de mozzarella de búfala
orégano a gosto
Pimenta do reino

Corte a berinjela em fatias finas no sentido do comprimento.  Salpique-as com sal e deixe escorrer por 30 min.  para escorrer o  líquido amargo.  Lave e seque as fatias. Frite-as em uma frigideira antiaderente com azeite até ficarem bem douradas. Acrescente o alho e a páprica. 


Em seguida, adicione os tomates e deixe no fogo por alguns minutos. Cozinhe a massa em um caldeirão com sal. Junte a massa ao molho de tomates e berinjela,  acrescentando o caldo de vegetais aos  poucos, como se fosse um  risoto, até se incorporar com os tomates e a páprica formando um molho. Finalize o cozimento. Apague o fogo, acrescente a mozzarella cortada em lascas, o orégano e a pimenta do reino.  Misture e sirva.

É importante cortar a berinjela e o tomate considerando o formato da massa que será servida, para que o  prato fique harmonioso. 


Recomenda-se massas longas,como o tagliatelle, papardelle,  fetuccine,  entre outras.

domingo, 11 de setembro de 2016

Tagliatelle al pesto tradicional


Para o  molho:

Seis a oito  punhados de manjericão (100g)
15g de nozes ou castanhas-do-pará (a receita original é com pinolis)
1 dente de alho descascado
100ml de azeite
40g de queijo parmesão ralado
Sal a gosto
Pimenta do reino
50g de alcaparras ( uma colher de  sopa)
uma pitada de orégano

Coloque no liquidificador ou processador o manjericão com as nozes, ou outras castanhas ao seu alcance, o  alho picado, uma pitada de sal e de pimenta;

Bata por 30 segundos e, em seguida, junte o  parmesão ralado, e o azeite. 

Sirva sobe a massa, ou sobre uma bruschetta com  mozarela. Decore com folhas de manjericão e tomates picados.

Dica: não reaqueça a massa, pois o manjericão ficará escuro e com um aspecto estranho.
Ao lavar o manjericão, seque-o bem, pois as partículas de água pode alterar  a textura do molho.

terça-feira, 6 de setembro de 2016

Tomate recheado a parmiggiana


1 tomate grande, cortado ao meio.
Berinjelas em cubinhos, grelhadas no azeite
Mussarela. (uma fatia por pessoa)
Pimenta do reino e pimenta calabresa
Manjericão fresco
Azeitonas sem caroço
Molho de tomate

Corte o tomate ao meio e descarte o miolo, faça um furo no fundo, tempere com sal e pimenta. Recheie com a mussarela, uma colher de molho de tomate, a berinjela grelhada e as azeitonas. Finalize com parmesão ralado por cima e orégano.

Apenas aqueça no microondas por 1 minuto. Se for uma quantidade maior, leve ao forno por 5 minutos.

É uma ótima opção de entrada, rápida, saborosa e prática. Faça uma decoração com folhas de manjericão e pimenta calabresa ao redor.

domingo, 28 de agosto de 2016

camarões ao molho de laranja


Camarões rosados pequenos limpos

Deixe os camarões de molho no suco de meia laranja, com sal, 1 dente de alho, meia cebola picada, pimenta calabresa e um toque de alecrim. Deixe que os temperos se curtam por 20min.

Leve ao fogo numa panela com azeite, refogue os camarões, cerca de 5 minutos. adicione o restante do suco de laranja e 50ml de leite de coco.
Cuidado para que o leite de coco não roube o sabor da laranja.
Acerte os temperos à gosto e aproveite!

domingo, 12 de janeiro de 2014

Crespele de espinafre e ricota


Para 6 a 8 crespeles:

250ml de leite
3 ovos
120g de farinha de trigo
20g de manteiga derretida
sal

Para o recheio
um maço de espinafre
250g de ricota
120 de mascarpone ou creme de ricota.
80g de parmesão fresco ralado
1 dente de alho
um fio de azeite
pitadas de noz-moscada e pimenta do reino.
sal.
Castanhas-do-pará trituradas grosseiramente.

Preparativos:
Cozinhe o espinafre e escorra-o, fazendo pressão com as mãos.

Prepare a massa de crepe:
 - 1- em um recipiente, coloque a farinha, faça uma depressão e junte os ovos, o sal, a manteiga derretida e misture com um fouet.
-2- Adicione o leite e continue batendo, cuidado para não formar grumos. Tampe e deixe descançar por uma hora.
-3- Em uma frigideira, seque o espinafre com azeite, o alho cortado ao meio e a pimenta do reino com sal.
-4- junte a ricota, o queijo cremoso e o parmesão ralado e as castanhas. Adicione os temperos.


Faça os crepes , recheie, enrole e corte em quatro partes

Distribua em um refratário com um pouco de manteiga em cada crespele com parmesão ralado. Distribua todos encostando um ao outro, para que não se desmanchem.

Gratine por 10 min. a 200ºC.



domingo, 19 de maio de 2013

Minicalzones fritos


Faça a massa:

400g de farinha de trigo
250 a 300ml de água morna
10g de fermento biológico seco
2 colheres de café de sal
1 colher de café de açúcar
3 colheres de sopa de azeite

Em um bowl, coloque a farinha, o fermento e o sal. Aos poucos, junte o açúcar, o azeite e a água morna. Misture bem com um garfo.
Trabalhe a massa por 10 minutos. Faça uma massa lisa e homogênea.
Deixe descansar por uma hora. Neste período, a massa deverá duplicar de tamanho. Feito isso, abra a massa com um rolo.
Abra discos de 10cm de diâmetro, com ajuda de um rolo e farinha.



Para o recheio:
200g de molho de tomate.
200g de mozarela
Azeitonas picadas
folhas de manjericão e orégano.
Óleo para fritura.

*opções de recheio: acrescente embutidos picados, como presunto e salame, cogumelos, entre outros.

Abra os calzones com o pires, com cerca de 10 cm de diâmetro e recheie-os.

É uma receita saborosa, com cara de domingo, acompanhada de uma boa cerveja bem gelada.

domingo, 16 de dezembro de 2012

Ravióli de queijo ao molho de nozes



Para o  molho:

100g de nozes
1 dente de alho amassado
15g de miolo de pão  hidratado em leite
30 ml de leite
100ml de creme de leite
25g de queijo de ovelha ralado (pecorino) ou parmesão
20g de azeite
sal a gosto
pimenta-do-reino a gosto
Sálvia seca
300g de raviólis frescos recheados
Reserve nozes inteiras para decorar.

Bata em um processador ou  liquidificador as nozes, o miolo de pão hidratado e o  leite.

Doure, na panela, o alho no azeite, acrescente o creme de leite,  o queijo, sal, sálvia, a pimenta do reino e as nozes processadas. Mexa até o creme incorporar, deixando-o na textura que desejar.

Experimente este molho com outras massas recheadas, como capeletti, raviloni ou nhoque de batatas.

sábado, 15 de setembro de 2012

Pastas italianas



Versatilidade e universalidade são características fundamentais das massas alimentícias, totalmente incorporado ao hábito alimentar brasileiro e de todo o resto do mundo, sem rejeições de consumo.
O alimento por excelência da cozinha italiana, a  pasta é preparada com semolina de grão duro, água ou ovos, sal e, ocasionalmente, azeite. Na Itália existem mais de 500 tipos de massas.

MASSAS SECAS
As massas secas apresentam uma grande versatilidade, é a massa que mais apresenta diversidade em formas e tamanhos. alguns atributos estão associados a sua praticidade,  como a não perecibilidade, facilidade de manuseio e preparo. São elas:

Massa de sêmola
Elaborada com uma farinha de trigo mais nobre, denominada semolina, a farinha do Tipo 1. Uma farinha mais tenra, resultando em um produto mais claro.

Massa com ovos
Elaborada com a adição de 3 ovos por quilo de farinha.

Massa grano duro
É elaborada a partir de um trigo chamado trigo Durum, essa massa fica naturalmente al dente, com a consistência boa para mastigação.

Massa integral
Elaborada com farinha de trigo integral e contém mais fibras na sua composição.

Massa com vegetais
São massas coloridas nas quais se acrescentam vegetais como beterraba, cenoura, espinafre. Podem ser com sêmola, caseiras ou grano duro. Lembrando que nem todas as massas coloridas são com vegetais,  como é o caso de massas com tinta de lula, resultando em uma cor negra.

MASSAS FRESCAS
Com ovos e farinha de trigo. É elaborada com semolina de trigo, a parte mais nobre do trigo, que deixa a massa mais leve, mas também al dente. São comercializadas sob refrigeração.

ALGUMAS MASSAS MAIS CONHECIDAS
Massas para sopas
ave maria
caracol mini (caracolino)
conchinha (conchigliette)
corneto mini (coquillettes)
fideli (curva)

                                                                                             Paccheri


Massas curtas
caramujo (caracol)
conchiglia (concha média)
conchiglione  (concha grande)
espiral (serpentini)
gravata (farfalle)
fusilli (parafuso com duas estrias)                                  
nhoque (gnocchi)
rigatoni                                                  
paccheri (massa tubular de diâmetro grande)                    Orecchietti
penne
pennoni (penne maior e sem estrias)
maccheroni
tubete (tubetti)
orecchiette (orelinhas)                                                                      
 trofie
                                                                                                                                                                                                         

                                                                                           Conchiglia


Massas longas
Cabelo de anjo (aletria)
Espaguete (spaghetti) - são mais finos
Bucatini (espaguete com furo)
Fettuccini
Bravette
linguine (bravete fino)                                                          
pappardelle (massa larga)
talharim (tagliarini)
Tagliatelle (talharim largo
Tagliolini
Lasanha (lasagne)
                                                                                          Pappardelle



                                                                                         

Massas frescas
capeletti                                                                            
nhoque
ravioli
raviloni
tortelone
rondeli
canelone                                                                               Bucatini

domingo, 26 de agosto de 2012

Rigatoni 4 formaggio


Rigatoni 4 queijos


1 dente de alho amassado
Um fio de azeite
50g de gorgonzola
50g de queijo parmesão
100g de queijo muzzarella
50g de queijo provolone
200ml de creme de leite fresco
½ xícara de chá de leite
Sal a gosto
Uma pitada de sálvia seca (uma colher de café)
Pimenta do reino preta

Aqueça o azeite e frite o alho, pique os queijos e coloque-os em fogo brando. Quando começarem a derreter, acrescente um pouco de creme de leite, sal e mexa até formar um creme denso. Acrescente mais creme de leite e leite para a textura desejada. Tempere com pimenta do reino e a sálvia.
Cozinhe a massa em um caldeirão com água, sal e óleo por cerca de 5 min.

Para este molho, podem ser usados outros tipos de queijos. Aqui no Brasil, usam-se muito os queijos catupiry e requeijão cremoso como variação, podem ser usados também os italianos asiago e taleggio, e os franceses brie e roquefort dão um sabor diferenciado.

Decore com ervas de sua preferência.

O vinho: sirva com um branco maduro de uvas Chardonnay da Califórnia.

sexta-feira, 18 de maio de 2012

lasagne de frango com alcaparras à parmiggiana


Para o molho vermelho:
1/2 cebola média picada
1 lata de molho de tomate
100 ml de água
2  folhas de louro
uma pitada de orégano
azeite
uma pitada de sal
uma pitada de açúcar refinado para quebrar o excesso de acidez

Em uma panela, aqueça o azeite e doure a cebola  com o sal, adicione o  molho, a água e o louro, prove o sal, deixe-o engrossar e adicione o orégano.

Para o recheio:
Cozinhe meio peito de frango e desfie, adicione as alcaparras.

Para a lasanha:
Meio  pacote de massa ondulada para lasanha grano duro, faça camadas com a massa, o recheio, o molho e fatias de muzarela,  repita o procedimento. Cubra com o molho, parmesão ralado, azeitonas e orégano.

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Foccacia de azeitonas e ervas


50ml de azeite
500g de farinha de trigo
225 ml de água
12g de fermento fresco
Uma colher rasa de sopa de sal
15g de alecrim picado
15g de sálvia
Azeitonas
Parmesão ralado
Sal grosso

Misture metade do azeite com a farinha de trigo, a água e o fermento, sovando bem. Em seguida acrescente o sal, o alecrim, a sálvia e as azeitonas. Deixe descansar por uma hora.

Abra com as mãos em uma assadeira untada com azeite.  (a massa ficará grudenta mesmo). Deixe descansar por 30 min. Antes de assar a foccacia, faça buracos na massa com a ponta dos dedos, assim ela ficará mais crocante. Pincele com azeite. Polvilhe com um pouco de sal grosso e parmesão ralado.
Asse em forno a 220°C por cerca de 15 minutos.

Esta receita rende cerca de nove pedaços médios.
Dica: sirva ainda morna com um pouco de manteiga.



fotos: Erick Leão

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

A cozinha italiana

         
                 
  Toscana, ao norte, predominando pratos de carne,  feijão e alcachofra.

Longe da sofisticação de outras cozinhas, este pequeno país, não menos significante, possui uma das mais ricas e apreciadas culinárias do mundo. O motivo: a preservação de conhecimentos intrínsecos que se perpetuam de geração  em geração,  o uso de ingredientes frescos e locais, a diversidade edafo-climática (clima e solo) e, o  mais importante, o amor arraigado às pessoas pelo simples ato de cozinhar.
A gastronomia italiana é mais antiga que o próprio país.  A itália é dividida em 20 regiões e, sendo assim, existem mais cozinhas regionais do que uma única identidade que cubra o país todo.
A versatilidade da cozinha italiana oscila entre a variedade do norte e a rusticidade do sul. Por conseguinte,  pode-se considerar que o norte é mais rico com claras influências centro-europeias, são a terra dos risotti, dos gnocchi (nhoques) e da polenta. Como por exemplo as regiões da Emilia-Romagna,  produzindo o presunto parma o queijo  parmesão, a mortadela de Bolonha entre outros, e a Toscana,  predominando carnes e alcachofra. Já ao sul, a cozinha herda traços do campo, predominando o azeite de oliva, as verduras, ervas frescas, massas e pizzas. Como  por exemplo, a região da Puglia há antepastos de mariscos e verduras, e em Campania, o tomate, espaguetes e as famosas pizzas. Contudo, carnes e pescados fazem parte dos pratos principais cotidianos de uma forma geral.
Por fim, uma regra que é ouro, na Itália ou em qualquer outra culinária: menos é mais.


Texto: Erick Leão